Perfil

Fundado em 1998, O Norte – Oficina de Criação é um centro de produção de arquitetura, design, artes visuais e projetos culturais. O nome O Norte, além de ser a indicação da direção fundamental nos estudos de arquitetura, é uma homenagem a uma trajetória engajada de um grupo de intelectuais e artistas iniciada com o jornal abolicionista A Província, em fins do século XIX. No início do século XX, o grupo cria a Revista do Norte, publicação produzida nas nossas atuais dependências e que se destaca por ter sido o primeiro periódico sobre arte e cultura do Norte-Nordeste. Este núcleo aglutinava pessoas do quilate do professor José Maria Carneiro de Albuquerque, o poeta Ascenso Ferreira, o poeta-engenheiro Joaquim Cardoso, o Jornalista Manoel Caetano Filho, os pintores Manuel Bandeira e Vicente do Rêgo Monteiro, entre outros. A Revista do Norte está em importância para o Movimento Regionalista, assim como a Revista Klaxon dos poetas Mário e Oswald de Andrade está para o Movimento Moderno.

Desde sua fundação, o trabalho do Norte tem recebido alguns prêmios e conseguido realizar alguns importantes feitos:
– Escritório convidado como palestrante na UIA 2020 Rio, 27° Congresso Mundial de Arquitetos (Info no link);
– Selecionado junto com mais 19 escritórios brasileiros para participar da exposição “Fora do Eixo: Brasil Otras Arquitecturas” na XVII Bienal Internacional de Arquitetura de Buenos Aires. A exposição reconhece profissionais que não atuam preferencialmente no eixo Rio de Janeiro – São Paulo. Curadoria de Vicente Wissenbach e André Wissenbach. Outubro 2019;
– Selecionado na 11ª Bienal de Arquitetura de São Paulo com um projeto do coletivo AtelierVivo – parceria com os arquitetos Michael Phillips e Natan Nigro no Workshop Internacional de Design-Build do AtelierVivo, projeto de experiência construtiva na comunidade de Santo Amaro/Recife;
– Um dos 15 escritórios selecionados para representar o Brasil na 15a Bienal Internacional de Arquitetura de Veneza em 2016, com o projeto Escola Novo Mangue;
– Co-fundador, junto com o arquiteto australiano Michael Philips, do coletivo de design-build AtelierVivo, 2014.
– Escolhido na edição comemorativa de 25 anos da Revista AU – Arquitetura e Urbanismo (edição n° 197, agosto 2010) como um dos 25 escritórios de arquitetura mais promissores no Brasil nos próximos 25 anos (entre jovens arquitetos com até 40 anos de idade). A seleção nacional contemplou 14 escritórios em São Paulo, 5 no Rio de Janeiro, 2 em Porto Alegre, 1 em Brasília e O Norte, único escritório das regiões Norte e Nordeste;
– Prêmio IAB/PE 2009, Departamento Pernambuco;
– Escritório selecionado para participar da V Bienal de Arquitetura Ibérica-Americana, em Montevidéo, Uruguai, em 2006;
– Prêmio “Jovens Arquitetos 2004”, pelo IAB-São Paulo e Museu da Casa Brasileira;
– Primeiro Prêmio no Concurso organizado pelo UNICEF e Prefeitura do Recife para o projeto de arquitetura da Escola Novo Mangue voltada à educação ambiental em 2002;
– Em 2004, O Norte foi consultor para a criação da sede da ONG americana Habitat For Humanity no Recife através de um projeto de micro-crédito destinado à famílias de baixa renda. A sede nacional da entidade mudou-se para o Recife em 2005.

Além disso, O Norte abre suas dependências para grupos e instituições que contribuem para o enriquecimento artístico, cultural e social do país, como a Associação do Povo Xukuru do Ororubá, Maracatu de Baque Solto Leão Africano, Associação de Capoeira Angola Navio Negreiro (ACANNE), entre outros, e incentiva ações de extensão e intercâmbio com Universidades e entidades do Brasil e do exterior, recebendo colaboradores de diversas partes do mundo. Em sua 4ª geração de atividades, O Norte – Oficina de Criação continua na resistência e no trabalho de afirmação da cultura brasileira.

Equipe

Bruno Lima

Mestre em Arquitetura pelo MDU/UFPE, 2013.
Arquiteto pela UFPE, 1997.
Professor do Depto. de Arquitetura da UFPE.

Chico Rocha

Mestre em Arquitetura pela UFRN, 2016. Arquiteto pela UFPE, 1998. Professor do Departamento de Arquitetura da UFERSA – Universidade Federal Rural do Semi Árido.

Lula Marcondes

Mestre em Arquitetura pela Universidade do Texas em Austin, UT – EUA, 2007.
Arquiteto pela UFPE, 1997. Professor do Depto. de Arquitetura da UNICAP. Músico e artista visual.